Dermatologia Clínica

Micoses Superficiais

As micoses superficiais são infecções causadas por fungos que atingem a pele, as unhas e os cabelos. Ocorrem geralmente no verão e principalmente em adolescentes e adultos.

Os fungos estão no solo, nos animais e até silenciosamente na nossa pele. Quando encontram condições propícias ao seu desenvolvimento, como calor e umidade, os fungos proliferam e causam doenças.

  • Existem vários tipos de micoses:
  • • Micose do corpo (“impinge”): lesões avermelhadas e redondas que descamam e coçam.
  • • Micose da cabeça: principalmente em crianças. Caracteriza-se por pequenas placas sem cabelos ou por placa única grande e com crostas salientes.
  • • Micose entre os dedos (“frieira”): a pele fica esbranquiçada e mole, geralmente entre o quarto e o quinto dedos do pé. O paciente pode sentir coceira. Está associado à umidade entre os dedos decorrente do uso constante de calçados fechados.
  • • Micose da virilha: vermelhidão na virilha associada à coceira importante. Ocorre devido à umidade crônica desta região.
  • • Micose da unha (“onicomicose”): caracteriza-se principalmente por descolamento e espessamento da unha na extremidade. A unha adquire coloração esbranquiçada ou amarelada. Pode estar relacionada com a inflamação da cutícula em pessoas que mexem muito com água.
  • • Pitiríase versicolor (“pano branco”, “micose da praia”): manchas brancas ou escurecidas que descamam e quase não coçam, geralmente nos ombros e nas costas.

Tratamento
Irá depender do tipo e da gravidade da micose. Isso será avaliado pelo dermatologista que poderá prescrever medicações tópicas associadas ou não com antifúngico oral.

  • Para evitar as micoses, alguns cuidados devem ser tomados:
  • • Seque-se bem após o banho, principalmente axilas, virilha e os dedos dos pés.
  • • Não compartilhe objetos pessoais (toalhas, calçados, roupas).
  • • Observe os pelos e a pele dos seus animais de estimação (cães e gatos).
  • • Não mexa na terra sem luvas.
  • • Evite andar descalço em pisos úmidos.

Nas crianças, as micoses ocorrem principalmente na cabeça e no corpo (“impinge”). Nos adolescentes, é comum o “pano branco” ou “micose da praia”. Nos adultos, predomina a micose na unhas (“onicomicose”), entre os dedos (“frieira”) e micose na virilha.